Sasol in Society
Banner

EPC 12 de Outubro com 8 novas salas oferecidas pela Sasol

A Escola Primária Completa (EPC) 12 de Outubro, na cidade da Beira, em Sofala, conta a partir de hoje, dia 12 de Outubro de 2021, com 8 novas salas de aula, incluindo o respectivo mobiliário (200 carteiras, mesas e cadeiras para os professores) construídas de raiz pela Sasol e os seus parceiros ROMPCO (Republic of Mozambique Pipeline Company) e CTRG (Central Térmica de Ressano Garcia), empresas de que também é accionista.

Implementada pela Cruz Vermelha de Moçambique, esta acção enquadra-se nos esforços conjuntos de reconstrução pós ciclone tropical IDAI, que fez centenas de vítimas humanas e destruiu várias infraestruturas, principalmente, nas cidades da Beira e Dondo.

A entrega das 8 salas de aula da EPC 12 Outubro, que acontece numa data em que também se celebra o Dia do Professor, faz parte de um pacote disponibilizado pela Sasol e seus parceiros, num valor total de 650 mil dólares americanos, que permitiu a intervenção nas seguintes infraestruturas de Sofala e norte da Província de Inhambane:

  • Reabilitação do Centro de Saúde de Mafambisse, no distrito do Dondo;
  • Reabilitação do Centro de Saúde de Macharote, também no distrito do Dondo;
  • Reabilitação do Centro de Saúde de Inhamízua, na cidade da Beira;
  • Reabilitação total da EPC Chitsecane em Inhassoro;
  • Construção de 2 Salas de Aula na EPC Palmeiras, em Mambone

O Director Geral da Sasol, Ovidio Rodolfo, na ocasião, ressaltou o compromisso da Sasol em intervir numa das áreas estruturantes para o desenvolvimento do país, a educação. “A Sasol acredita no poder transformador do investimento na área de educação. Por isso, numa altura em que o país atravessava um dos piores dramas humanitários da história, em decorrência da passagem do ciclone IDAI, que fez milhares de vítimas humanas e destruiu várias infraestruturas, principalmente, nas cidades da Beira e Dondo, a Sasol, junto dos seus parceiros, elegeu a área da educação para prestar o seu apoio,” disse.

O Governador da Província de Sofala, Lourenço Bulha, que fez parte do evento de entrega das salas de aula, destacou o papel da Sasol como cidadã corporativa de Moçambique. “Estamos muito felizes com este apoio da Sasol, que nos veio ajudar nos esforços para a reconstrução dos danos causados por um dos piores ciclones dos últimos 100 anos. Vai a nossa palavra de apreço à Sasol por este gesto. A Sasol é um parceiro importante para a nossa província,” acrescentou.

As intervenções da Sasol na área da educação incluem, ainda, iniciativas como a como a atribuição de mais de 50 bolsas de estudo para dentro e fora do país, capacitação de professores em técnicas melhoradas de leccionação de ciências exactas, construção e reabilitação de várias escolas ao longo do país, entre outras acções.

Sasol handsover classrooms at 12 de Outubro Primary School

Sasol builds 8 new classrooms in Beira

The 12 de Outubro Primary School, in Beira, Sofala Province, received today, October 12, 8 new classrooms, including furniture (200 desks, tables and chairs for the teachers) built from scratch by Sasol and its partners, ROMPCO (Republic of Mozambique Pipeline Company) and CTRG (Ressano Garcia Thermal Power Plant), companies in which it is also a shareholder.

With the implementation of the Mozambique Red Cross, this action is part of the joint reconstruction efforts after the tropical cyclone IDAI, which caused hundreds of human victims and destroyed several infrastructures, mainly in the cities of Beira and Dondo.

The delivery of the 8 classrooms at 12 de Outubro Primary School, which takes place on a date that also celebrates Mozambique Teachers’ Day, is part of a package made available by Sasol and its partners, for a total amount of 650 thousand US dollars, which allowed interventions in the following infrastructure from the communities of Sofala and northern Inhambane Province:

  • Rehabilitation of the Mafambisse Health Centre, in Dondo district;
  • Rehabilitation of Macharote Health Centre, also in Dondo district;
  • Rehabilitation of the Inhamízua Health Center, in Beira city;
  • Total rehabilitation of the Chitsecane Primary School in Inhassoro;
  • Construction of 2 classrooms at Palmeiras Primary School, in Mambone 

Sasol’s Managing Director, Ovidio Rodolfo, on the occasion, highlighted the company’s commitment to intervene in one of the key areas for the country’s development – education. “Sasol believes in the transformative power of the investment in education. Therefore, at a time when the country was going through one of the worst humanitarian challenges in history, due to the tropical cyclone IDAI, which caused thousands of human victims and destroyed various infrastructures, mainly in the cities of Beira and Dondo, Sasol, together with its partners, chose education to provide its support,” he said.

Sofala Province Governor, Lourenço Bulha, who was part of the event to deliver the classrooms, highlighted Sasol’s role as a corporate citizen of Mozambique. “We are very happy with this support from Sasol, which has come to help us in the efforts to rebuild the damages caused by one of the worst cyclones for the past 100 years. A word of appreciation to Sasol for this initiative. Sasol is an important partner to our province,” he added.

Sasol’s interventions in education also includes initiatives such as the awarding of more than 50 scholarships, training of teachers in improved teaching methods for science, construction and rehabilitation of several schools throughout the country, among other actions.

Instagram

Connection error. Connection fail between instagram and your server. Please try again

Categories count color

Flickr

  • It never ends
  • stand still screening-smoking girl
  • Maria d'Odessa performs her art of make-up
  • Afro-deko-mono
  • Maria d'Odessa, touching
  • Maria d'Odessa au bâton de rouge-baiser
  • Maria d'Odessa & the red lipstick
  • Maria d'Odessa, soulful.
  • Peanuts

Social Widget

Collaboratively harness market-driven processes whereas resource-leveling internal or "organic" sources.

ThemeForest